comprar online

Diferente de outros setores, a venda online para o setor de varejo de construção ainda caminha a passos lentos. Esse tipo de serviço, que apesar de entrar na categoria de essencial, ainda tem a cultura de ser ofertado presencialmente por diversos motivos, dentre eles, a própria necessidade do cliente de estar fisicamente na loja para escolher os materiais e esclarecer dúvidas prontamente. Segundo um estudo realizado em 2020, da Anamaco, a falta de oferta online impacta diretamente na procura por esse tipo de canal, assim como na retomada das vendas pós-crise, já que “apenas 10% das
Com todas as mudanças e os avanços da tecnologia que surgiram nos últimos anos, houve uma grande preocupação em como vender online de forma consultiva, principalmente, no setor da construção, compreendendo os desafios que existem na hora de comprar materiais neste âmbito. No entanto, ao perceber as mudanças no comportamento do consumidor, que passa cada vez mais tempo no ambiente virtual, muitos lojistas passaram a realizar as vendas on-line através de ferramentas como o WhatsApp Business, por meio de um e-commerce próprio ou em marketplaces onde grandes empresas fornecem espaço e divulgação para que pequenos lojistas possam