Saiba como proteger o piso durante uma reforma

15 fev 2022

Basta falar em reforma e a imagem de sujeira, respingos de tinta, massa, gesso e concreto espalhados pela casa já surge na mente de qualquer pessoa. Existe sempre aquela preocupação em deixar uma trinca ou rachadura no revestimento do piso e acabar gastando mais do que o planejado para arrumar um outro problema. Porém, uma boa proteção do local que será reformado pode evitar essas dores de cabeça.

 

Cada canto da reforma vai precisar de uma solução específica. Dependendo do tamanho da reforma, podemos encaixotar itens menores, e retirar alguns móveis do ambiente quando possível, são exemplos de como proteger o ambiente. Quando o assunto é o revestimento do piso, precisamos ficar atentos a algumas questões.

 

Hoje, existem diversos modelos de revestimento. São materiais e acabamentos com características diferentes. Algumas dicas podem ajudar a proteger o piso da casa e evitar que sofra algum dano no processo.

 

Jornal e lona são suficientes para proteger o revestimento?

Muito usados em reformas, principalmente em pinturas, os jornais não são as melhores opções para proteger o seu piso. Ainda mais quando falamos de uma reforma grande. Apesar de absorverem a tinta e outros produtos, eles rasgam facilmente, deixando expostas áreas do piso, além disso, costumam se mover no ambiente, também desprotegendo o local. 

 

Em caso de reformas pequenas, e o jornal seja a única opção, é fundamental colar bem ao chão, protegendo toda a área. 

 

As lonas também são uma segunda opção muito utilizada nas reformas, mas demandam muito cuidado. Em casos do uso de tintas, por exemplo, por possuir uma superfície lisa e não porosa, acabam não absorvendo os respingos, o que pode aumentar a sujeira do ambiente e ainda danificar o piso. Outro ponto de atenção no uso de lonas é que algumas não são resistentes e podem rasgar, comprometendo a proteção do ambiente. 

 

Em caso de pequenas reformas, e do jornal e da lona serem a única opção, é fundamental colar o material ao chão com fita adesiva, protegendo todo o espaço da área reformada. 

 

Qual o material ideal para proteger o piso durante a reforma?

O papelão corrugado, aquele que possui uma face lisa e a outra ondulada, é uma ótima solução para proteger o piso durante a reforma. Ele é mais resistente e protege o revestimento do piso até em relação as ferramentas que podem cair no chão. Possui o bônus de ter uma boa absorção, evitando que a tinta escorra para alguma outra área.  

 

Outras opções são o papel kraft junto do plástico bolha de alta resistência, que trazem vantagens semelhantes às do papelão. São mais resistentes e não deslizam no chão.

 

Os tapetes e panos também podem ser uma alternativa para proteção do piso, em casos de reformas pequenas. Porém, eles não conseguem cobrir toda a área e podem deixar que algum produto manche o chão. O pano ainda pode deslizar, caso não seja bem fixado.  Atualmente, o mercado também oferece opções específicas para proteger o piso durante as reformas. 

 

Orçamento de reforma: o que considerar para ter um bom custo-benefício

 

Deixe o seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdos relacionados

Gostou do conteúdo? Compartilhe!