7 mitos e verdades sobre o revestimento cerâmico

A cerâmica é um dos revestimentos mais antigos do mundo e um dos que mais evoluiu ao longo do tempo. Hoje, é possível encontrar peças no mercado com diferentes níveis de resistência e formatos. Graças a tecnologia e a inovação industrial, esse material conta com diversos benefícios funcionais e estéticos, como praticidade, charme, beleza e qualidade. 

Quem pensa que o revestimento cerâmico é sem graça, ficou preso ao passado. No presente, as peças ganharam novas cores e estampas, podendo ser divertidas ou clean. Hoje, é possível dizer que existem cerâmicas perfeitas para qualquer gosto e qualquer superfície (paredes e pisos). 

Mesmo esse material sendo conhecido mundialmente e a sua técnica de produção ser milenar, muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre o revestimento cerâmico. Para desmitificar o assunto, conversamos com o arquiteto e designer de interiores Loris Astolphe para entender quais são os mitos e as verdades mais questionados pelos consumidores. Vamos lá?

Os revestimentos cerâmicos só podem ser usados em áreas internas?

Mito! Eles são uma ótima opção tanto para áreas externas ou internas do seu ambiente residencial ou comercial. Mas, cada tipo de revestimento possui suas características específicas e sempre devemos consultar a melhor opção para o espaço. Por exemplo, para ambientes molhados, é indicado pisos cerâmicos antiderrapantes ou com coeficiente de atrito maior que 4%. 

Então, quer dizer que eles podem ser usados em áreas molhadas? 

Verdade! Os revestimentos cerâmicos são sim indicados para essas áreas, desde que sejam antiderrapantes. Essa é uma característica importante a ser respeitada para o uso seguro do espaço. 

 

Mas, e quanto ao sol? A cerâmica vai ficar manchada em áreas externas?

Mito! Manchas podem ocorrer devido ao uso indevido de produtos ou métodos de limpeza. Mas, muito dificilmente ocorrem por causas naturais, como exposição ao sol ou chuva. Por isso, na hora da limpeza, é sempre ideal usar adstringentes neutros e pano úmido, evitando químicos abrasivos ou materiais de limpeza que possam riscar ou danificar o piso.

 

E eu posso usar cerâmica no chão e na parede? 

Verdade! Os revestimentos cerâmicos podem e devem ser utilizados para pisos, paredes, detalhes arquitetônicos e, em alguns casos, até mesmo em fachadas. É importante estudar cada caso para saber qual é o melhor revestimento para seu projeto e necessidade. 

 

O revestimento cerâmico tem durabilidade? 

Verdade! Quando aplicados na situação e de maneira correta, os pisos cerâmicos têm uma vida útil muito grande, não apresentando nenhum tipo de problema por longos anos. Além da durabilidade, outra vantagem desses revestimentos é a infinidade de cores, texturas e modelos que podemos utilizar para criar espaços funcionais e lindos. 

 

O piso cerâmico é sem graça e sem variedade?

Mito! A variedade que o revestimento cerâmico oferece para os profissionais de arquitetura ou designers de interiores torna o processo de criação extremamente amplo, permitindo a escolha de cores, texturas e detalhes que se adaptam em todos os projetos e dão personalidade aos espaços. 

 

A base vermelha é inferior à base branca dos revestimentos?

Mito! A diferença entre elas está, basicamente, no corante ou contaminante natural que acompanha as matérias-primas. Na argila vermelha, por exemplo, existe maior presença de óxido de ferro, um componente que acentua a coloração avermelhada após a queima. Essa diferença não altera a qualidade dos produtos, segundo estudos científicos. 

Agora que você conhece os principais mitos e verdades sobre o revestimento cerâmico, que tal aprofundar o seu conhecimento e aprender a escolher o melhor para o seu projeto? Clique no link a fique por dentro do assunto: https://www.grupofragnani.com.br/blog/revestimentos-escolha-o-ideal-para-sua-obra/