Como evitar dores de cabeça com o assentamento de pisos

A beleza e a funcionalidade de uma casa são frutos de uma reforma bem feita, o que garante tranquilidade para os proprietários. Quando o assentamento de pisos e revestimentos é feito com cuidado, por exemplo, não é preciso se preocupar com o resultado final, pois, certamente, ele será encantador. Em contrapartida, quando as etapas não são executadas com cuidado, os prejuízos podem ser enormes a longo prazo! 

Já imaginou como um piso mal colocado pode trazer transtornos à sua vida? 

Embora cada tipo de revestimento tenha sua forma indicada de instalação, os danos são muito parecidos quando são assentados de forma inadequada. Visualmente, o acabamento ficará com imperfeições, com algumas peças mais altas do que outras, além da falta de alinhamento entre elas. E financeiramente os transtornos são ainda maiores: os pisos e revestimentos mal aplicados podem descolar da superfície, apresentar manchas e quebrar, 

ou seja, você precisará substituí-los. 

2 segredos para garantir o sucesso no assentamento de pisos e revestimentos 

  • Prefira materiais de qualidade para garantir o acabamento perfeito

Na hora de escolher sua argamassa, pisos, revestimentos e a mão de obra que farão parte da sua casa, dê preferência a materiais de qualidade. Já imaginou como deve ser complicado investir seu tempo e dinheiro em uma obra e não alcançar o resultado esperado?

Para não ter erro, invista em pisos e revestimentos com variações de desenhos, tonalidade, formatos e aplicações. Eles são desenvolvidos com uma tecnologia de impressão digital que utiliza um equipamento diferenciado com alta tecnologia HD, em que as peças são decoradas com uma máxima definição. Os produtos com variações de faces podem ser estampados de infinitas maneiras. Desde desenhos mais trabalhados, como o revestimento Incefra HD-57130, até os modelos mais sofisticados, como revestimento Incefra HD-57160, que traz a beleza da madeira.

Revestimento Incefra HD-57160

 

  • Respeite as orientações de uso e aplicação dos materiais para evitar manchas d’água 

Um dos problemas que aterrorizam qualquer proprietário quando o assunto é assentamento de pisos e revestimentos são as manchas d’água. Uma forma de evitar as alterações de cor provocadas pela absorção de água pela base e laterais da cerâmica é seguir as orientações contidas na embalagem, desta forma, o assentamento correto e a vedação serão assegurados pelo elemento construtivo como um todo. 

É importante respeitar o tempo de cura completo do substrato, que é de 28 dias, e verificar as condições de impermeabilização e ausência de vazamentos hidráulicos. Antes da aplicação, limpe a parte de trás da peça com uma brocha ou esponja úmida. Não mergulhe a peça na água de forma alguma!

A preparação da argamassa deve ser feita conforme as instruções do fabricante, pois o excesso de água pode ocasionar a mancha d’água. E não se esqueça: o rejunte deve ser feito após três dias do assentamento, com uma espátula em diagonal e muito cuidado no preparo, pois a água em excesso evapora e cria poros e microtrincas por onde a água penetra e é absorvida pela parte porosa da peça, causando as manchas indesejadas. A mancha d’água não necessariamente remete a uma falha do revestimento cerâmico, mas uma possibilidade de falha de vedação construtiva.

Para não correr o risco de sofrer decepções no futuro pesquise bastante antes de começar a reforma, busque por materiais de qualidade e conte com a ajuda de um profissional de sua confiança para fazer o assentamento de pisos e revestimentos da sua casa! 

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também