Piso e paredes: Como fazer a combinação perfeita?

31 maio 2023

A escolha das cores e texturas adequadas para pisos e paredes é essencial para criar uma decoração de interiores harmoniosa. Neste artigo, exploraremos a importância da combinação correta, traremos dicas valiosas e orientações práticas para combinar pisos neutros com paredes coloridas e vice-versa, continue lendo.

Importância da combinação correta

A combinação adequada de pisos e paredes pode transformar completamente a aparência de um ambiente. As principais razões pelas quais a escolha certa é fundamental encontra-se a seguir:

Antes de qualquer coisa, a combinação correta de cores e texturas entre pisos e paredes cria uma sensação de equilíbrio e harmonia visual. Isso faz com que o ambiente seja mais agradável e acolhedor.

A escolha adequada de cores também pode criar a ilusão de um espaço mais amplo ou aconchegante, por exemplo. Cores claras tendem a ampliar, enquanto cores escuras dão uma sensação de aconchego.

A combinação correta de pisos e paredes pode realçar elementos decorativos, como móveis e obras de arte, destacando-os como pontos focais do ambiente. Por isso, é fundamental pensar nas melhores combinações para um visual esteticamente agradável.

Como combinar pisos neutros com paredes coloridas

Ao combinar pisos neutros, como tons de bege ou cinza, com paredes coloridas, é possível criar um contraste interessante. Para que o resultado seja excelente, vale a pena considerar algumas dicas, veja-as a seguir:

  • Escolha a cor dominante para as paredes, isto é, uma cor que seja o destaque principal do ambiente. Porém, não esqueça de considerar o estilo de decoração e a atmosfera desejada.
  • Para equilibrar a combinação, opte por um piso neutro, como tons de bege, cinza ou branco. Essas cores complementam bem as paredes coloridas e evitam uma sobrecarga visual.
  • Se as paredes forem vibrantes e intensas, escolha um piso neutro com uma tonalidade mais suave. Mas se as paredes tiverem cores mais suaves, dá para escolher um piso neutro com uma tonalidade um pouco mais intensa.
  • Use elementos de transição, como rodapés ou sancas, para fazer a transição entre o piso e as paredes. Eles podem ser pintados na cor do piso ou das paredes para garantir uma conexão visual harmoniosa.

Como combinar pisos coloridos com paredes neutras

Quando se trata de combinar pisos coloridos com paredes neutras, o objetivo é equilibrar as cores e criar uma base neutra para destacar o piso. Então, assim como no item anterior, é importante seguir algumas dicas para alcançar uma combinação harmoniosa:

  • Escolha o piso colorido em uma cor que se destaque e seja o ponto focal do ambiente. Pisos de madeira em tons mais escuros, cerâmicas coloridas ou revestimentos estampados são boas opções.
  • Opte por cores neutras para as paredes, como branco, bege ou cinza-claro, pois elas funcionam bem como pano de fundo para destacar o piso colorido.
  • Crie contraste com elementos decorativos tais como móveis, cortinas e objetos de arte, para criar contraste com as paredes neutras. Eles podem ser escolhidos em tons que complementem o piso colorido, criando uma harmonia visual.
  • A iluminação adequada é fundamental para realçar a cor do piso e criar um ambiente equilibrado. Certifique-se de que a iluminação natural e artificial seja bem distribuída para destacar o piso colorido e não deixar as paredes neutras muito apagadas.

Dicas para acertar na combinação

Agora que você já conferiu as dicas sobre a combinação de pisos neutros com paredes coloridas e paredes neutras com pisos coloridos, vale conferir mais algumas dicas. Veja então como não errar na combinação de pisos e paredes de maneira geral a seguir.

  • Considere o estilo de decoração pretendido para o ambiente. Ambientes mais modernos podem se beneficiar de combinações mais ousadas, enquanto estilos mais clássicos podem exigir combinações mais sutis e elegantes.
  • Faça testes antes de decidir, aplique amostras de pisos e pinturas em pequenas áreas, assim dá para visualizar a combinação antes de realmente escolher.
  • Busque inspiração por referências de decoração de interiores, revistas, sites e redes sociais para as combinações de pisos e paredes. Isso pode ajudá-lo a descobrir combinações que funcionam bem e a adaptá-las ao seu próprio espaço.
  • Considere o tamanho e a iluminação do ambiente ao escolher a combinação de pisos e paredes. Ambientes pequenos podem se beneficiar de tons claros e combinações mais suaves para criar uma sensação de amplitude. Já os ambientes bem iluminados podem suportar cores mais escuras e contrastes mais fortes.
  • Tenha em mente a função do espaço, ambientes mais movimentados, como áreas de estar e corredores, podem se beneficiar de cores e materiais duráveis e fáceis de limpar. Enquanto os espaços mais íntimos, como quartos, é possível explorar combinações mais aconchegantes e personalizadas.
  • Harmonize as texturas dos pisos e das paredes, a combinação delas pode adicionar interesse visual e criar uma sensação de profundidade no ambiente.
  • Contraste com acessórios e mobília para proporcionar o contraste e complementar a combinação de pisos e paredes. A mobília também pode contribuir para a harmonia do ambiente, escolhendo peças que estejam em sintonia com a paleta de cores escolhida.

Conclusão

A combinação adequada de pisos e paredes desempenha um papel fundamental na decoração de interiores. Ao seguir as dicas mencionadas e considerar o estilo, a iluminação, o tamanho e a função do espaço, você poderá criar uma combinação perfeita que traga harmonia, equilíbrio e personalidade ao ambiente. 

Lembre-se de buscar inspiração e fazer testes antes de decidir. O Pinterest do Grupo Fragnani está cheio de referências bacanas para te ajudar nessa missão, confira aqui. Se preferir, também é possível visualizar nossos revestimentos no ambiente virtualmente antes de comprar, veja aqui.

Deixe o seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdos relacionados

Gostou do conteúdo? Compartilhe!